“Ooops!”: Assassino de Eloá diz não a Cabrini

Roberto Cabrini e sua equipe passaram meses insistindo. Fizeram as mais diversas ofertas aos advogados do assassino Lindemberg Alves Fernandes, 23. A resposta foi não. O rapaz que matou a garota Eloá Pimentel, 15, em outubro do ano passado, após mantê-la refém por 100 horas, não será a “estrela” da estreia de Cabrini no SBT.

A defesa do criminoso entendeu que qualquer “aparição” de Lindemberg na TV, dando sua versão dos fatos, só pioraria a situação. Também acreditam que o rapaz poderia ser facilmente manipulado pelo jornalista, e confessasse em rede nacional pouco antes do julgamento, previsto para meados do ano que vem.

Uma das estratégias estudadas pelos advogados do bandido é imputá-lo “incapacidade mental e emocional”. Em outras palavras, dá-lo como “louco” que “matou por amor”. Quase 30 anos depois, a tese da defesa de Lindomar Castilho, que matou Eliana de Grammont, continua viva.

No lugar de Lindemberg, a estreia de Cabrini deve ser uma longa reportagem sobre prostituição. Programa que incluirá entrevista feita na semana passada, mas adivinhem com quem: sim, a indefectível Bruna Surfistinha.

Silvia Popovic assume manhãs da Band no dia 26

Sem decolar no ibope, o programa matinal “Dia Dia”, na Band, pode sofrer uma reviravolta nos próximos dias, com a saída de apresentadores, mudanças na produção e, principalmente, no formato. Uma das possibilidades é que o programa (com o mesmo nome ou outro novo) seja comandado por Silvia Popovic, 54, e envolva mais jornalismo e menos amenidades.

O programa “Dia Dia” estreou em março e praticamente nunca passou da média de 2 pontos de ibope. Nos últimos meses, perdeu preciosos décimos de audiência e começou a ser derrotado seguidamente pelo concorrente “Manhã Maior”, da Rede TV.

Outro programa que deve sofrer mudanças é o “Toda Sexta”, com Adriane Galisteu. O ibope do programa sempre foi baixo, e há muitas queixas dentro da emissora sobre seu conteúdo e formato.

Quem é Legal

Pianista Joaquim Vieira

Surge um jovem e grande pianista brasileiro. Joaquim Vieira, de apenas 22 anos, que já vinha se destacando em festivais nos últimos anos, mas entrou em nova fase após temporada de estudos na Rússia. O resultado é promissor. Foi excelente sua estreia profissional, no último sábado, na Sala São Paulo. Acompanhado pela Bachiana Orquestra, o jovem Joaquim executou de forma segura, e com personalidade, o complexo “Concerto nº 1″, de Tchaikovsky. Foi merecidamente aplaudido de pé –coisa que o deixou divertidamente atrapalhado.

Quem é Legal

Tenor Jean William

No mesmo concerto, outra surpresa: o lançamento do tenor Jean William, de Ribeirão Preto. Ainda é quase um menino, encheu cada espaço da Sala São Paulo com sua voz poderosa. Foi descoberto por uma professora dedicada na região de Ribeirão Preto, dona Júlia. “Vai ser o maior cantor lírico brasileiro”, prevê o maestro João Carlos Martins.

Quem Irrita

Personagem que fala sozinho na novela…

Em “Cama de Gato” o público é atacado mais uma vez com o surrado mecanismo dramatúrgico em que o personagem diz em voz alta o que está acontecendo ou o que vai fazer. Então vamos dizer também em voz bem alta: Que saco!!!

Ricardo Feltrin
Colunista do UOL

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: